Terça-feira, 7 de Setembro de 2010

Vida nova

Curiosamente, a nossa vida, hoje, não sofre de monotonia.

Em tempos tinhamos, quase todos, um único emprego durante a vida.

Na fábrica, no escritório, ou no Ministério.

Hoje, até ao tempo da reforma, 65 anos, tal não acontece.

Eu, sossegado estava, a um ano da dita meta e sugerem-me alterar funções. De tarefa de direcção, de coordenação, passar para uma actividade executiva.

A minha primeira reacção foi de surpreesa e de alguma inquietação.

O segundo momento: de alguma alegria por ainda ser capaz de fazer coisas novas, diferentes, a obrigar-me a uma adaptação, a uma acomodação, a uma nova aprendizagem.

E aqui estou eu no espaço internet da Brandoa a "aprender" o que tenho de ensinar a idosos, pensionistas e desempregados de longa duração: a iniciação à informática na óptica do utilizador.

Estou contente.

O dia está ensolarado.

Ao lado tenho uma biblioteca, cheia de livros e com os jornais do dia.

Só me falta receber os alunos que, esses, só estarão comigo na terceira semana de Outubro.

Nota - Este ano lectivo, 2010-2011, acabo a licenciatura em História (Maior, já concluido, e Minor em Cultura e História das Religiões).

tags:

publicado por weber às 10:43
link do post | comentar
partilhar

. ver perfil

. seguir perfil

. 8 seguidores

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Vida nova

.arquivos

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...