Quarta-feira, 9 de Fevereiro de 2011

Voto, veto...crise?

Pela primeira vez, o Presidente Cavaco Silva vetou um diploma emanado do Governo.

Tratava-se de atribuir a possibilidade aos farmacêuticos de nas receitas médicas poderem substituir medicamentos prescritos por outros disponíveis no momento ou mais baratos, desde que tivessem o mesmo principio activo.

Como interpretar tal situação?

Cedeu ao lobby dos médicos?

Acolheu as preocupações preguiçosas da APIFARMA?

Quer sinalizar que vai ajustar contas com a "história" recente?

A ver vamos.

Entretanto o Governo reagiu com firmeza, mas prudente.

Através do cc pode ler o comunicado do PR por aqui.

Foto do Presidente da APIFARMA, João Almeida Lopes, que bateu palmas ao veto do PR.


publicado por weber às 13:26
link do post | comentar
partilhar

. ver perfil

. seguir perfil

. 8 seguidores

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Voto, veto...crise?

.arquivos

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...