Sexta-feira, 4 de Março de 2011

António Luís Santos da Costa

 

Em participação no programa de Paula Magalhães (fraquinha, muito fraquinha e mal preparada...)na TVI24, o edil de Lisboa explicou porque pensa recandidatar-se à Câmara de Lisboa em 2013. Disse que para se fazer obra consistente numa Câmara pelo menos três mandatos são necessários. Em principio e normalmente são 12 anos. No seu caso em concreto serão, se os lisboetas assim o entenderem, 10 anos.

Explicou, também, que não anda à procura de cargos, mas se mobiliza em torno do fazer, do criar.

Mas, pode ver e ouvir Aqui na tvi24 o que o actual Presidente de Lisboa disse.

Entretanto, na TSF, na RR e no jornal i, reiterou a sua disponibilidade para se recandidatar a um último mandato, em 2013.

Logo estrondearam análises, descodificações, veja-se mesmo, a imputação de intenções.

A melhor tresleitura é, não podia deixar de o ser, feita pelas luminárias do PSD.

Leia-se aqui o resumo de um comunicado do senhor António Prôa (nome a condizer com a indigência da análise...) líder da bancada do PSD na Assembleia Municipal de Lisboa ( tinham recusado o cargo ao célebre Manuel Falcão, mandarete de Morais Sarmento, mais conhecido pelo 'falcão da malta'... e ele foi-se embora). Estapafúrdio, no mínimo.

António Costa é, porventura, da sua geração, e não só no PS, o politico mais brilhante.

Formação técnica consistente.

De uma cultura acima da média e de uma dedicação à coisa pública sem falhas.

Não se lhe conhecem pecados negocistas, nem confusões entre a coisa pública e os seus interesses privados.

Ouvi da boca de um dos mais brilhantes quadros da Policia Judiciária, já jubilado, esta carinhosa afirmação " o monhé não tem um nódoa que seja no seu curriculum; está completamente limpo...é o 'único' politico por quem poria as mãos no fogo...".

É duríssimo a fazer politica partidária. Não estremece quando tem de fazer sangue. Tê-lo como adversário, tanto partidário, como politico, ou mesmo analista, não o recomendo a ninguém. Que o diga JPP na "quadratura do círculo"!...

Tem a sua "rede" a reforçar-se no interior do PS.

A recente vitória de Marcos Perestrelo para a Presidência da FAUL foi desenhada, inteiramente, por ele.

Mas é de uma lúcidez, que até assusta.

Aprendeu a ética republicana com o seu pai, comunista até à morte, o escritor Orlando Costa, goês e pai também do actual director do Expresso, Ricardo Costa. Pode ler-se uma pequena noticia biográfica deste homem de 49 anos Aqui tirada da Wikipédia.

Assimilou os valores do socialismo democrático, e o amor à causa pública com Jorge Sampaio.

Se algum apodo político-partidário se pode, ainda hoje, colar-se-lhe é o de "sampaísta", como o foram Paulo Pedroso, Ferro Rodrigues, nomeadamente.

Vislumbrar-se um objectivo, um ponto luminoso que seja, a alcançar por António Costa, mesmo que seja a Presidência da República,  depois de 2013 ( a similitude está no facto histórico de Sampaio, edil de Lisboa à época, ter interrompido o seu mandato em favor de João Soares...para se candidatar a Belém...) é conhecer mal o personagem.

Ele candidatou-se à Câmara de Lisboa, sem garantias de sucesso, quando era o número dois do Governo de Sócrates e número dois do Partido Socialista.

Hoje foi o coordenador da Moção de estratégia a apresentar por Sócrates ao Congresso do Porto.

Quando fala, seja em que fórum for, seja em que matéria seja - é ouvido.

Como diz o filósofo “Eu sou eu e minha circunstância e se não a salvo a ela não me salvo a mim”.

Esta frase pode bem ser a legenda para a vida, "carreira", como se diz, de António Costa na politica, por que, da vida dele, pouco sei.

Que é politico que temos de acompanhar, que é um dos principais dirigentes do PS e que tem imenso poder, dentro e fora dele, disso não há menor dúvida.

Agora, fazer a tresleitura primária, bacoca, que fez o senhor Prôa do PSD de Lisboa, não lembraria sequer a um "industrial de invólucros ortopédicos", vulgo sapateiro.


publicado por weber às 09:08
link do post | comentar
partilhar

. ver perfil

. seguir perfil

. 8 seguidores

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. António Luís Santos da Co...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...