Quarta-feira, 11 de Julho de 2012

A metáfora do futebol


Muito boa gente, bem pensante, cheia de competências, desvaloriza o futebol, como máquina suja de lavar dinheiro, de alienar os povos e de potenciar, as mais das vezes, sentimentos menores.

Contudo, o que ocorreu no último campeonato europeu de futebol, veio negar quase tudo isso.

Quando se dava como certo o passeio da máquina alemã, esta, esbarrou contra a displicente Itália, a sofrer com maus rapazes, com experimentação do seleccionador e alguma velhice à mistura.

Primeira derrota da poderosa Alemanha.

A chancelerina Angela Merkel acusou o toque e, depois, nas reuniões politicas foi "derrotada" pelo triângulo França, Espanha e Itália. Perdeu poder no BCE e não ocupou a presidência do Eurogrupo...como pretendia.

Quem, com agudeza de espírito e sapiência, analisa estes fenómenos conjuntos, das derrotas alemãs no futebol e na politica é, exactamente, o líder de Os Verdes teutónicos, Joschka Fischer, e que pode confirmar aqui com um titulo sugestivo: vencedores e vencidos da Europa. A ler com proveito.


publicado por weber às 14:37
link do post | comentar
partilhar

. ver perfil

. seguir perfil

. 8 seguidores

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. A metáfora do futebol

.arquivos

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...