Sexta-feira, 11 de Dezembro de 2009

Obama discursa em Oslo

Ao receber o prémio Nobel da Paz das mãos do Presidente do Comité, num discurso maior do que o que realizou aquando da sua tomada de posse, sustentou Barack Obama que, às vezes, é necessário "fazer a guerra para assegurar a paz", sublinhando a singularidade de estar a receber o prémio depois de ter enviado, recentemente, mais 30 mil soldados para um teatro de guerra no Afeganistão.

Defende-se muito bem da aparente extemporaneidade da atribuição do Nobel.

Assume-o como uma responsabilidade "ante".

Ainda não tem obra feita, mas sente-se na obrigação de alterar a ordem mundial: este é o seu compromisso.

Pode ler aqui a reportagem do DN.


publicado por weber às 02:33
link do post | comentar
partilhar

. ver perfil

. seguir perfil

. 8 seguidores

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Obama discursa em Oslo

.arquivos

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...