Domingo, 31 de Julho de 2011

"Os factos problema"

Val, com a sua argúcia contumaz, com a sua fina fibra analítica, serve-nos um pitéu de truz.

Um pedaço do último "a quadratura do circulo", coisa que, vinda dos primórdios da TSF (já me não lembra o nome...talvez, "flash back"?), tem já os seus mortos em combate, painél dos mais irreverentes debates, cujo único sobrevivente é o Zé Pacheco Pereira.

O tópico polémico (nem por isso...) desse programa, a não nomeação de Bernardo Bairrão para Secretário de Estado no MAI, muito mal contada em quase todos os "fora". Inclusivé o própio espião, actual infrene trabalhador assalariado da Ongoing do filho da dona dos Sabões, que sai do governo em plena Comissão Parlamentar para apurar se o Governo de Sócrates tinha intervindo no negócio da TVI (ninguém se lembra já que o deputado Branquinho, social-democrata, a fera à solta nessa Comissão, cuja pergunta o tornou famoso "quem é essa empresa, a Ongoing?"...hoje, que digo eu, ontem também assalariado da dita, que ele desconhecia), lança a confusão ameaçando que foi autorizado a passar informações secretas à Ongoing.

O Publico, o dito pasquin, de referência, faz manchete "Sócrates autorizou a passar informações secretas". O dito já desmentiu. Passos Coelho, também. E o ex-patrão dos espiões, também.

Mas vejam, ouçam e leiam o "trabalho" de Val: o caso Bairrão e o sistema ptolemaico.

É de ir às lágrimas, particularmente, a espécie de concordância que atravessa todos os intervenientes deste programa, agora de humor, instalado na SICnoticias.

O que se sabe?

José Eduardo Moniz, Bernardo Bairrão e outros...andaram, faz anos, em Angola (a tentar entrar no negócio da TV).

O Emidio Rangel, também.

Entretanto, o açoriano, é "corrido" da TVI e vai trabalhar, como caixeiro-viajante, para o Vasconcelos da Ongoing.

Bernardo Bairrão fica na TVI, como administrador.

Entretanto, Paulo Portas, MNE, quer a diplomacia económica.

Manuela Moura Guedes é muito amiga de Portas.

À posteriori, o primeiro país que o MNE, Paulo Portas, visita...Angola.

Para remate de conversa.

António José Seguro, sexta-feira, questionou o primeiro-ministro, sobre o dossier Bairrão. Depois do debate o SG dos socialista, confirmou "não fiquei satisfeito com os esclarecimentos sobre o caso Bairrão". Ainda teremos sequelas do processo.

Entretanto,o semanário do tio Balsemão, militante nº 1 do PPD/PSD...sabe TUDO sobre este dossier.

tags:

publicado por weber às 11:42
link do post | comentar
partilhar

. ver perfil

. seguir perfil

. 8 seguidores

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. "Os factos problema"

.arquivos

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...