Quarta-feira, 27 de Abril de 2011

O agravo

Outro dia, chamei "trolha" a um engenheiro, vereador de uma Câmara.

Pareceu-me desagradado.

Contudo, sabendo-o a caminho de uma outra condição, tentei ser carinhoso e cúmplice da sua demanda.

Hoje vi, o que é considerado, na arte portuguesa o melhor elogio que alguma vez foi feito a esta profissão.

"O almoço do trolha", quadro do período neo-realista de Júlio Pomar.


publicado por weber às 16:12
link do post | comentar
partilhar

. ver perfil

. seguir perfil

. 8 seguidores

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. O agravo

.arquivos

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...