Sábado, 17 de Abril de 2010

i... c'um caraças

 

Dizem-nos que o jornal do grupo de Marrazes, LENA está a morrer.

Quando se morre é sempre, ou quase, triste.

Quando se nasce...é sempre bonito.

Parece que na imprensa nada de interessante se anuncia.

Mesmo a morte do i, não pela idade que tem, nem aquece nem arrefece o mercado da informação.

Criado sobre a anunciada morte do PUBLICO, que não se veio a verificar, este jornal, os seus responsáveis, cometeu erros atrás de erros.

A linha editorial, a epistemologia decalcada sobre um dejá vu e lu, com um publico alvo já servido, nada trouxe de novo.

Primou por um grafismo de ruptura (que lhe mereceu um prémio), mas que serviu só para enrolar caganitas de conteúdo ressequido.

É o que dá quando sapateiros se metem a tocar rabecão, ou trolhas a fazerem jornais.

Paz à sua alma, se é que o i alguma vez teve alma.

JA

Capa que poderia titular:"Edição fim-de-jornal."

tags:

publicado por weber às 18:31
link do post | comentar
partilhar

. ver perfil

. seguir perfil

. 8 seguidores

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Esta é uma boa capa

.arquivos

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...