Sexta-feira, 21 de Maio de 2010

Pacheco Pereira, a barata tonta

O Ferreira Fernandes, cronista do reino, com banca montada no Diário de Noticia é que os manca.

Topa-lhes os tiques e as fintas.

Destapa-lhes o jeitos e os trejeitos.

Diz, repetindo-se, à exaustão:- Se o Sócrates gamou prendam-no.

Leiam a crónica das "escutas"  que o estarola da Marmeleira tresleu e comentou, estando interdito de o fazer. Honra lhe seja, o jovem comunista Oliveira também foi ao pote do mel, leu as "escutas", mas nada disse sobre elas.

É nos detalhes que se encontra o diabo e nos pormenores que se distingue os honrados dos canalhas.

Pacheco Pereira ficará na história do nosso parlamentarismo recente na segunda ordem, dos velhacos, dos indigentes e dos desavergonhados.

Na foto, Pacheco Pereira, o proto-espião. Ela há gente que passa ao lado de grandes carreiras...


publicado por weber às 11:19
link do post | comentar
partilhar
:
De Ana Paula Fitas a 21 de Maio de 2010 às 12:36
Muito bom, caro Weber... diria mesmo: Lindooooo! :)
Farei link no próximo Leituras Cruzadas!
Abraço :)


De weber a 21 de Maio de 2010 às 15:38
Muito obrigado pela amabilidade e bondade.
Abraço, para si, também.


Comentar post


. ver perfil

. seguir perfil

. 8 seguidores

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. The End

.arquivos

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...