Terça-feira, 29 de Setembro de 2009

"Pior a emenda que o soneto"

O Presidente do Governo Regional dos Açores Carlos César comentou já a "Comunicação" surreal do inquilino de Belém, mais conhecido pela "fonte" de Boliqueime.

O que S. Excelência disse sobre...não sei o quê...de escutas...de dirigentes do Partido do Governo...de campanhas para o colarem ao PSD e sobre fiabilidade do sistema informático da Presidência da República é do domínio da "senilidade".

Há alguém que disse, faz algum tempo, que Cavaco Silva tinha mudado, radicalmente, de penteado.

Não tinha reparado, menos ainda lhe tinha atribuído algum significado.

Diz-me esse amigo, que com 69 anos (agora parece que já festejou os 70 anos) quando se muda de penteado, uma de duas coisas pode ter ocorrido:

1/ Arranjou uma amante mais nova;

2/ Tresloucou.

De fontes bem informados, cujo epicentro se situa no jornal Público, nas proximidades do computador do "jornalista" Luciano Alvarez, afirmam-me que não confirmam a probabilidade da amante nova.

J.A.


publicado por weber às 21:47
link do post | comentar
partilhar
:
De logros a 29 de Setembro de 2009 às 22:55
!) Um PR não pode falar por metáforas como o Uráculo de Delfos.

2)Ainda por cima um oráculo foleiro e sem a sabedoria da Grécia Antiga.

3) Neste rosário de contradições ele diz, desdiz e contradiz. As "vulnerabilidades" do sistema informático PARA DISFARÇAB as trafulhices da conspirata no "Público". Ambiguidades e passaculpismos intoleráveis. Nem uma palavra para a mãe de todas as aleivosias fabricadas pelo PSD, "a asfixia democrática".Se alguém tivesse dúvidas ficõu a saber qual o PARTIDO DE CAVACO SILVA.

Abraço.
I.



De weber a 29 de Setembro de 2009 às 23:07
Eu nem queria acreditar no que estava a ouvir.
Mas ouvi bem.
Acabei de ouvir a declaração do Partido Socialista: 1/ Com o tamanho q.b.;
2/Com a concisão que o momento exige;
3/Com o rigor necessário à gravidade da Declaração do inquilino de Belém;
4/Com a contundência que a sem-vergonha da Declaração merece;
5/Com o rigor factual que se exigia do Presidente, mas que ele não foi capaz;
6/Com a qualidade ética que a República exige aos titulares de cargos públicos.
Abraço,
J.A.


Comentar post


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. The End

.arquivos

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...