Domingo, 14 de Junho de 2009

Da nossa...e muito boa

 

Jorge Peixinho, grande compositor contemporâneo, com uma linguagem, nem sempre fácil, nasceu em Montijo e ensinou música em Matosinhos. Esta terra venera-o, consagrando-o num prémio que atribui, anualmente, e que tem o nome do compositor.

Montijo dedicou-lhe um Museu exclusivo.


publicado por weber às 16:04
link do post | comentar
| | partilhar

.pesquisar

 

.posts recentes

. The End

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...