Sábado, 13 de Junho de 2009

Faz hoje 25 anos, que um cometa morreu

 

 

 

 

António Variações, um cometa que passou na música portuguesa, com uma singularidade que só hoje se entende, na manhã de 13 de Junho de 1984 morria, vitima de uma pneumonia.

 

Hoje, que é dia de Fernando Pessoa, não me incomoda nada, mas mesmo nada, de homenagear este sonhador, que queria fazer a ponte entre a aldeia dele, no Minho profundo e a grande metrópole New York.

J.A

 


publicado por weber às 12:11
link do post | comentar
| | partilhar
:
De mdsol a 13 de Junho de 2009 às 13:08
Foi um 'fenómeno' muito interessante.

" Porque eu só estou bem/ Aonde não estou".

Sempre gostei muito destas palavras. Falam de forma simples da insatisfação e da procura. De ir além. Da necessidade e da possibilidade da transcendência, em suma.

: )))


De weber a 13 de Junho de 2009 às 16:55
Caríssima,

Cada vez gosto mais daquele lado anarco/liberal, sedutor e genial do António Variações.
A Inês recordou (aqui ao lado), que "hoje" morreu, fisicamente, o seu muito amado Eugénio de Andrade, um dos maiores poetas do Porto!

Abraço grande,
J.A.


De Logros a 13 de Junho de 2009 às 14:57
É isso mesmo.
Mas aproveito para mais umas lembranças:

-Há 4 anos morreu, neste dia, o Eugénio de Andrade.

Mais 2 poetas nasceram a 13 de Junho: William Butler Yeats e o português Joaquim Manuel Magalhães (1945).


Abraço

Ps- Sempre pus no "Logros" uma nota sobre a "Autopsicografia".


De weber a 13 de Junho de 2009 às 16:52
Minha boa amiga,
Obrigado pelos lembretes, e pelas atenções com que me mima.
Abraço grande,
J.A.


Comentar post

.pesquisar

 

.posts recentes

. The End

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...