Quinta-feira, 28 de Maio de 2009

O fim de Dias Loureiro

Ontem, no C.M., Eduardo Dâmaso, na sua coluna de opinião, antecipava o que viria a confirmar-se pela noite na SIC, em entrevista dada pelo então já ex-Conselheiro de Estado Manuel Dias Loureiro.

A opinião do Director Adjunto do C.M. sobre o significado do que está a ocorrer na Comissão que está a "investigar" o caso BPN traduz-se numa  frase: despojos finais do cavaquismo

Mas, considera o jornalista, o que se está a passar é muito mais do que um caso de banqueiros, políticos e de um Partido, ou do passado de uma partido e de uma liderança.

O partido, o PPD/PSD é sempre candidato ao poder, ao seu exercício. Isto vai significar um vendaval sobre a idoneidade daquela agremiação politica. O antigo líder é, nem mais nem menos, do que o actual Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva.

E mais não digo, nem o jornalista o diz.

J.A.

Foto montagem, para ilustrar, na época, um artigo sobre gente influente!...Isto é já passado.


publicado por weber às 10:22
link do post | comentar
| | partilhar

. ver perfil

. seguir perfil

. 8 seguidores

.pesquisar

 

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. The End

.arquivos

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...