Segunda-feira, 18 de Maio de 2009

Poesia judaica

Adonai, Adonai,

Adonai, Senhor meu!

 

Caminhamos e andamos,

louvaremos ao Deus de Israel,

que nos livrou do Egipto

daquele rei tão cruel.

 

 

Caminhamos e andamos,

louvaremos ao Senhor,

cantam os anjos no céu,

os serafins ao Senhor.

 

 

Caminhamos e andamos,

louvaremos ao Deus de Abraão,

que nos livrou do Egipto,

da terra da escravidão.

 

 

Cantemos hoje ao Senhor,

o Deus da suprema glória,

o cavalo e o cavaleiro

lançou no profundo mar.

 

 

Estende o teu braço,

já nos fica fortaleza,

do faraó e do inimigo

já combateu a fraqueza.

 

E era vencedor

o seu Omnipotente Nome,

o carro do faraó

e seu exército consome.

 

 

Cântico da Páscoa (Judeus de Belmonte)
 

tags:

publicado por weber às 12:21
link do post | comentar
| | partilhar

.pesquisar

 

.posts recentes

. The End

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.últ. comentários

Chame-me Parvo….Pois é, Sr. Pedro Tadeu, é isso me...